segunda-feira, 23 de setembro de 2013

As Violetas de Março




Ficha Técnica
Autor: Sarah Jio
Formato: ebook

Sinopse

Emily Taylor é uma mulher jovem e escritora de sucesso, mas não gosta muito de seu próprio livro. Também tem um casamento que parece ideal, no entanto ele acabará em divórcio.

Sentindo que sua vida perdeu o propósito, Emily decide fazer as malas e passar um tempo em Bainbridge — a ilha onde morou quando menina — para tentar se reorganizar.

Enquanto busca esquecer o ex-marido e, ao mesmo tempo, arrumar material para um novo — e mais verdadeiro — livro, um antigo colega de escola e o namorado proibido da adolescência tornam-se seus companheiros frequentes.

Entretanto, o melhor parceiro de Emily será um diário da década de 1940, encontrado no fundo de uma gaveta.

Com o diário em mãos, Emily sentirá o estranhamento e a comoção causados pela leitura de uma biografia misteriosa que envolve antigos habitantes da ilha e que tem muito a ver com sua própria história.

Assim como as violetas que desabrocham fora de estação para mostrar que tudo é possível, a vida de Emily Taylor poderá tomar um rumo improvável e cheio de possibilidades.

As Violetas de Março é um romance sobre a força do amor, sobre as peças que o destino prega e sobre como podemos ser felizes mesmo quando tudo parece conspirar contra a felicidade.


Opinião

Assim que "dei" por este livro na www e após ler algumas criticas, pensei deve ser muitooo interessante!
Uma amiga "ofereceu-me" o livro em formato ebook e claro assim que tive oportunidade, passou para o principio da fila imensa  dos livros a ler!
Num livro em papel, temos o prazer de manusear as folhas de espreitar o fim :P, de admirar a capa, enfim toda a componente "física", em formato ebook, quanto muito admiramos a capa... mas nem por isso deixa de ser menos apelativo. 
E de facto assim foi! 
Transcrevo a critica que postei no Goodreads! :)

:) Lindo!

Esta é uma historia que me deu muito gosto em ler. A minha estreia na autora e para mim revelou-se muito aprazível.

De uma simplicidade tocante onde o dia a dia é muito parecido como o nosso. Podemos nos rever na tranquilidade daquelas manhãs perto do mar.

Uma história de redescoberta, de segundas oportunidades, de revelações de segredos antigos.
No fundo uma história com grande potencial emocional onde também nos sentimos um pouco como a "heroína" 

A eterna busca da felicidade é o que nos faz sentir vivos em toda a sua plenitude. :)

Recomendo! 

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...